Testes automatizados com C# e Selenium – parte 2

E aí! Vamos (finalmente!) escrever aquele teste com Selenium!

Oprah com um microfone gritando e apontando para a platéia

🔙 Caso você não tenha visto a parte 1 desse post, com todas as configurações para fazer esse teste, corre lá!

⚠️ Lembrando: estamos criando um projeto de teste solo e vamos testar algo bem básico; no caso, vamos pesquisar algo no Google e conferir se o primeiro resultado vem preenchido. Também quero recordar que estou usando e passando somente os conhecimentos que estão dentro da minha alçada, ou seja: .NET Framework e IEDriver como navegador para o Selenium.

Continuar lendo Testes automatizados com C# e Selenium – parte 2

Testes automatizados com C# e Selenium – parte 1

Quem nunca quis morrer por conta de um sistema legado, que atire a primeira pedra! Esse era exatamente o sentimento que eu tinha há algum tempo, com o atual sistema que trabalho. Ele é um senhorzinho que funciona muitíssimo bem, mas que aos poucos está sendo atualizado e, junto com isso, veio a oportunidade de aplicar alguns testes automatizados nele.

Mas é claro que nada é tão simples assim…

Elmo dando de ombros

Por conta da maneira que ele estava desenvolvido, a única automação de teste possível seria com o Selenium – ou seja, desenvolver um projeto de testes que simulasse o usuário utilizando o sistema e suas inúmeras possibilidades de fluxos. Já é alguma coisa, não?

Eu nunca tinha trabalhado com o Selenium puro, somente com o SpecFlow, que eu vejo como uma ferramenta facilitadora: ele faz com que seja mais fácil incluir a gerência no processo de desenvolvimento de casos de teste, por exemplo.

Dada essa introdução, vim fazer um mini-tutorial (em partes) de como fazer seu primeiro teste automatizado com Selenium e C#!

Continuar lendo Testes automatizados com C# e Selenium – parte 1

Como mudar o número de usuários máximo do seu teste de carga de maneira fácil

Recentemente, fiquei responsável na minha equipe por desenvolver testes automatizados e de carga no sistema. Foi um desafio novo: por mais que eu já tivesse feito alguns testes automatizados antes, começar tudo do zero era algo que eu nunca tinha feito; especialmente os testes de carga, que eu nem sabia que eram possíveis de serem feitos tão fácil pelo Visual Studio.

Depois de desenvolvidos os testes automatizados e criados vários testes de carga diferentes a partir deles (cada um deles com seu próprio .loadtest), foi me pedido uma alteração específica, nos testes de carga que eram executados por tempo: que o número máximo de browsers que fossem abertos fossem 15 (inicialmente foi programado 25).

Já irritada, pensei: vou ter que apagar todos os testes e criar de novo, porque essa é uma das informações que é definida em uma espécie de wizard de criação de testes de carga.

Print screen do wizard de criação de testes de carga do Visual Studio

Mas como eu sou brasileira e não desisto nunca, fui procurar se havia alguma maneira mais fácil de alterar os testes sem precisar apagar tudo e fazer de novo. E existe!

Continuar lendo Como mudar o número de usuários máximo do seu teste de carga de maneira fácil